São registrados focos de Aedes em 3% de 7,48 milhões de casas vistoriadas

Agentes de saúde encontraram focos do Aedes aegypti em 3% das 7,48 milhões de residências visitadas em todo o Brasil desde o início de janeiro até o dia 21 do mesmo mês.

Neilton Oliveira, secretário-executivo do ministério, afirmou que até o fim de fevereiro todas as residências brasileiras serão vistoriadas.

Para explicar a nova meta, considerando que em dezembro do ano passado o governo tinha estabelecido que visitaria todos os imóveis até o final de janeiro, Neilton mencionou a demora de estados em implementar as chamadas “salas de coordenação e controle”, um grupo de ação criado para traçar estratégias de combate à dengue.

O secretário-executivo declarou ainda que todos os estados e municípios contam com larvicidas, kits de diagnóstico e fumacê necessários para as ações.

As visitas foram realizadas em 2.548 municípios de 19 unidades da federação com o auxilio de cerca de 312 mil agentes de saúde. O governo deve divulgar semanalmente a quantidade de fiscalizações contra focos de mosquito.

Fonte