Procedimentos e Orientações – Controle de carrapatos

Carrapatos são parasitas de aves e mamíferos e pertencem  a classe aracnida, sendo portanto, do mesmo grupo das aranhas e escorpiões. São centenas de  espécies  mas as  mais comuns e de  maior interesse econômico e sanitário são o carrapato estrela e o carrapato do cão

Ciclo biológico resumido

Carrapato estrela –  Necessita de três hospedeiros para completar seu ciclo de vida no Brasil. As fases de larva vão de março a julho e de adulto de outubro a março. Podem permanecer até 6 meses no ambiente sem se alimentar. Após o acasalamento a fêmea inicia processo de ingurgitamento que dura dez dias , quando desprende-se do hospedeiro e cai no solo pra realizar postura única com 5 a 8 mil ovos, iniciando nova geração. É o principal transmissor de febre Maculosa no Brasil.

Carrapato do cão urbano – Os adultos tem forte tendência para escalar muros e cercas, abrigando-se em frestas e fendas dos canis. As fêmeas ovipões 2 a 3 mil ovos.

Medidas preventivas

– Manter gramado sempre bem aparado.
– Aspirar regularmente o pó em locais de difícil acesso, debaixo de tapetes  e nas frestas de piso e parede.
– Calafetar todos os vãos de pisos e paredes da casa e marcos de porta  e janelas.
– Aplicar regularmente produtos POUR ON no cão ou mantê-lo com coleira carrapaticida.
 – Manter atualizado o registro de aparecimento  de pragas.